saúde emocional Adiran Allves

Porque desenvolver integração entre o corpo físico e o mental?

Para vivermos com segurança interior temos que aprender a desenvolvê-la diante das adversidades  que ocorrem durante todo o nosso desenvolvimento como seres. Ao desenvolvermos esse equilíbrio podemos automatizar nossas funções para que nossos desejos se transformem em movimentos ou em ação.

E para que isso ocorra temos que aprender a como desenvolver integração entre o corpo físico e o mental. De que forma isso acontece? Tudo que fazemos depende de uma ação física que vem de uma ação tomada em nossa mente, que partiu de outras emoções geradas com nossos pensamentos. Isso entre outros fatores nos permitem agir, reagir ou mesmo ficarmos inertes, sem ação diante dos acontecimentos e diante da vida.

Primeiramente é necessário descrever aqui mesmo que resumidamente como este processo funciona em nosso aparelho embora  tomarei como base na metafísica a maior parte das explicações sobre este tema.  O cerebelo é uma parte inferior do encéfalo , bem debaixo do nosso cérebro e acima da fonte e da medula que constitui em dois hemisférios cerebrais unidos entre si por uma estrutura chamada vermis.

E esses dois hemisférios se comunicam a níveis inferiores e superiores por meio do sistema nervoso central. Sua função é controlar nossa coordenação motora e manutenção do equilíbrio postural. Não é raro encontrarmos pessoas com muitos desequilíbrios físicos, como dificuldade em fechar os olhos, ficar na ponta dos pés, ao menor giro já desequilibra totalmente, até mesmo abaixar a cabeça e levantá-la rapidamente causa esse desequilíbrio.

Porém como o foco neste post é como você está usando seu corpo físico e a sua mente de forma metafísica vamos ver como a mesma nos explica tais interações. O cerebelo na metafísica é o principal órgão do sistema nervoso responsável pela lateralidade dos hemisférios integrando a mente e o corpo, assim desenvolvemos o poder da atuação em nossa realidade.

Por ser responsável pela destreza, movimentos precisos, brandos e precisos como por exemplo enfiar a linha na agulha, ou mesmo movimentos rápidos e certeiros como atirar dardos no ponto alvo e assim por diante. Por isso muitas pessoas até mesmo as que já estão com mais idade se limitam a participarem de determinadas atividades na vida devido a esse desequilíbrio motor.

Por outro lado as pessoas que desempenham várias atividades com mais destreza e capacidade é devido a essa motricidade estar em equilíbrio. Sendo assim ela tem uma boa disposição para fazer exercícios, caminhar, subir em lugares mais altos e etc. Muitas vezes podemos achar que tais pessoas estão com preguiça e por isso não fazem tais atividades. No entanto esta é aparentemente uma questão fisiológica e também energética.

Muitos desafios em nossas vidas nos empurram para o agir, fazer e isso nem sempre está somente no campo mental, emocional, ou mesmo espiritual.  Mas sim fisicamente é preciso sairmos de determinado lugar para outro, precisamos usar nossa voz, nossas mãos, andar e assim por diante. Caso estejamos em desequilíbrio ou seja sem essa integração entre o corpo físico e o mental ficamos desanimados, ou mesmo em um movimento interno acelerado como por exemplo:

  • muito ansiosos,
  • com pensamentos acelerados e confusos,
  • uma agitação interna que nos cansa tanto quanto uma atividade física,
  • não tomamos atitudes que deveríamos tomar,
  • mantemos assim uma postura encurvada diante da vida e dos acontecimentos,
  • etc.

Por outro lado quando estamos sintonizados, sincronizados e nosso sistema está funcionando perfeitamente, essa funçaõ nos faz criar nossa realidade do lado de fora como a desejamos mentalmente. Porém devemos nos lembrar que o contrário também acontece. Para você saber o que você está criando e como está criando sua realidade neste momento, observe ou contabilize os resultados.

Então quando  a integração entre o corpo físico e o mental está ocorrendo de forma harmoniosa, assumimos um posicionamento em nossa vida, agindo, reagindo, fazendo e sendo o melhor que podemos Ser dia a dia. Além disso, ao nos aceitarmos plenamente, aceitamos também o mundo a nossa volta e nos predispomos a transformá-lo da melhor forma possível para uma perfeita interação entre todos, nos tornamos ativos no que fazemos, podemos até desenvolver novas habilidades, descobrir novos caminhos e percorre -los com alegria.

Ao desenvolvermos essa integração entre o corpo físico e o mental nos torna cocriadores de uma realidade em  nossas vidas com mais sabedoria, podemos ser mais participativos em tudo que nos agrada, nos entregamos as ações que nos levam ao um nível elevado de poder pessoal, social e profissional. Lembra?

  • Nossos pensamentos nutrem nossa mente,
  • nossos pensamentos geram nossas emoções
  • as duas coisas juntas criam a imagem ou a história do que queremos.

Portanto, a segurança interior advém da disposição em vivermos e participarmos intensamente dos acontecimentos em nossa vida, de sermos equilibrados em todas as situações que são necessárias nosso melhor desempenho quer seja decisivo, participativo ou mesmo criativo. Transpor as barreiras e superar limites externos está intimamente ligado a como fazemos isso internamente. Assim podemos criar nossa realidade de forma segura e coordenada, com lucidez, sem temer o fracasso, sem negar a si mesmo.

A insegurança na maioria das vezes pode nos leva a controlar todo o externo, inclusive outras pessoas, isso se dá ao fato de não estar em equilíbrio ou integrado, então essa se torna um mecanismo inconsciente para fugir da sensação ou mesmo incapacidade de agir, de ter o domínio sobre os atos tanto fisicos como os advindos da mente, causando intensas dores nos ombros, braços, muita tensão e desconforto. Esses são manifestações da consciência para chamar atenção para dentro de si mesmo. Um alerta para que você mude.

Neste caso o melhor é buscarmos nos desenvolver com mais aceitação, nos tornarmos mais flexíveis, menos rígidos internamente. Corpo e mente trabalham juntos. Busque praticar meditação, relaxamento, observação serena. Yoga, respiração consciente, divertir-se saudavelmente, busque o equilíbrio entre os dois lados da vida o SER e o TER, você verá como suas ações também serão mais congruentes com seus pensamentos. Colocá -los em prática será só uma questão de escolha.

Um forte abraço! Até breve!

Adiran Allves

 

Sobre o autor | Website

Especialista em Terapias Naturais e Transformação Pessoal com Técnicas Quânticas.

PEGUE SEU E-BOOK GRÁTIS AGORA MESMO!

Hata Yoga e Seus Benfefícios

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!